Análise de Problemas à distância: É possível?

  • Publicado originalmente em 2 de fevereiro de 2017, no Linkedin

Um dos maiores problemas que temos atualmente é a comunicação. Volta-e-meia, acontece que alguém diz aquela frase: “Mas não era exatamente isso que eu estava imaginando!”. Se você exerce análise de negócios em algum âmbito, certamente já se deparou com isso.

E é incrível, que dia após dia, apesar de nos depararmos com este tipo de problema de comunicação, algumas empresas pensarem que o levantamento de requisitos – seja por brainstorm, entrevistas, mapeamento de processos, ou o detalhamento do problema, possa ser feito por telefone ou por telepresença.

O diagrama abaixo, de Alistair Cockburn, um autor também muito recomendado, detalha a riqueza da comunicação por cada via:

O gráfico indica que face a face, num quadro branco (desenhando!), é a melhor forma de ter entendimento de todas as partes. Isso responde nossa pergunta?

Utilizar telefone para levantamento de requisitos, além de inefetivo, pode causar sérios prejuízos ao seu projeto. É claro que em projetos onde a distância fisica impera, pode não haver outra solução. Neste caso, o melhor a ser feito é utilizar o maior número de recursos visuais possível, o que pode onerar a quantidade de documentação.

E você, o que acha? É possível fazer análise por telefone?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s